• FACILITE SUA PESQUISA: listar apenas DTCs sobre:

    Total de Documentos Técnico-Científicos Encontrados: 10
    A - Trabalho ou Artigo Clínico, de Divulgação, Revisão de Literatura
    CLASSIFICAÇÃO INTERNACIONAL DE DOENÇAS (CID) EM ODONTOLOGIA E ESTOMATOLOGIA (CID-OE) CÓDIGO INTERNACIONAL DE DOENÇAS. DOENÇAS DO APARELHO DIGESTIVO DOENÇAS DA CAVIDADE ORAL, DAS GLÂNDULAS SALIVARES E DOS MAXILARES


    PALAVRAS CHAVE: CID, Classificação, Doenças, Código Internacional
    ( 21 páginas 0 ref. 0 f.) Arquivos Dental Review - Ano: 2007
    Cod. A13 . 1 . 1 - 6 2007 - 25 X Rev. Liter
    Geral
    Manual de Câncer Bucal - CROSP
    Haroldo Arid Soares
    O câncer no Brasil a um problema de saúde pública, encontra-se entre as duas primeiras causas de óbito na maioria das regiões do país. Seu perfil epidemiológico tem se alterado nos últimos anos projetando um aumento na taxa de mortalidade . O envelhecimento da população brasileira a alvo de preocupação, na última década os pacientes com mais de 60 anos de idade duplicaram em relação a década anterior. Essa mudança mostra aumento da expectativa de vida, e há uma série de problemas comuns ao idoso , como as doenças crônicas degenerativas, dentre elas o cancer .
    ( 74 páginas 35 ref. 91 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2005
    Cod. A12 . 1 . 1 - 12 2005 - 1 X G
    Resolução - RDC nº 306, de 7 de dezembro de 2004
    Anvisa
    Dispõe sobre o Regulamento Técnico para o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde.
    ( 27 páginas 9 ref. 0 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2004
    Cod. A12 . 1 . 1 - 12 2004 - 1 X G
    MANUAL DE BIOSSEGURANÇA EM ODONTOLOGIA
    Maria da Graça C.M.Campos e Equipe de Fiscalização Sanitária RJ
    A publicação deste Manual de Biossegurança traduz o compromisso desta gestão em aprimorar a qualidade da atenção à saúde, na medida em que busca proteger os profissionais de odontologia, cirurgiões dentistas, auxiliares de consultório odontológico, higienistas, técnicos de higiene dental e técnicos de laboratório de prótese, expostos ao risco de adquirir doenças em função de seu exercício profissional.
    ( 67 páginas 0 ref. 32 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2004
    Cod. A12 . 1 . 1 - 1 2004 - 1 X G
    CÓDIGO DE ÉTICA - CFO
    CFO
    Resolução CFO-42/2003, de 20/05/2003, que revoga o `Código de Ética Odontológica aprevado pela resolução CFO-179/91, de 19/12/1991
    ( 14 páginas 0 ref. 0 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2003
    Cod. A12 . 1 . 1 - 5 2003 - 1 X G
    MANUAL DE BIOSSEGURANÇA PARA SERVIÇOS DE SAÚDE - Prefeitura Municipal de Porto Alegre
    Carla Maria Oppermann et al.
    Este Manual foi pensado e elaborado a partir da constatação, por parte da Comissão de Biossegurança, atuante desde 1999, de que a Rede Ambulatorial de Serviços Municipais de Saúde demonstra necessidade de mudanças de infra-estrutura física tratando-se de condições compatíveis com os processos de controle de infecções, mas fundamentalmente mudanças de práticas e padronização das rotinas dos serviços, que permitam a implementação de medidas eficazes de Biossegurança.
    ( 80 páginas 43 ref. 25 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2003
    Cod. A12 . 1 . 1 - 1 2003 - 1 X G
    MANUAL DE BIOSSEGURANÇA - FACULDADE DE ODONTOLOGIA UERJ
    Patrícia Luise A. Scabell et al.
    Com o aumento e aparecimento de doenças infectocontagiosas, os conceitos de biossegurança cresceram em importância. Um assunto que há pouco tempo atrás não se dava atenção, passou por um período de desconfiança por parte dos pacientes até atingirmos o estágio atual no qual eles já não aceitam serem atendidos sem os devidos cuidados.
    ( 31 páginas 0 ref. 18 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2002
    Cod. A12 . 1 . 1 - 7 2002 - 1 X G
    MANUAL DE BIOSSEGURANÇA - UFBA
    Vários Autores Descritos no Conteúdo do Manual
    Serão apresentadas por ordem alfabética as abreviaturas e siglas mais comumente encontradas nos temas relacionados à biossegurança. O significado de alguns termos mais utilizados serão também listados e esclarecidos. As abreviaturas e siglas dos temas relacionados a radioatividade, bem como o seu significado, serão abordados no capítulo referente ao assunto neste manual. No decorrer dos diversos textos e capítulos são discutidos vários significados e abreviaturas, em cada tema particular, pelos autores em cada uma das áreas abordadas. Encontram-se listada no fim deste capítulo, em ordem alfabética, os contatos, endereços eletrônicos interessantes e temas afins, assim como páginas obtidas na Internet e em bibliografias atuais. Os números de telefones e Fax das DIRES foram disponibilizados pela Vigilância Sanitária. Alguns autores indicam, de forma individual, endereços específicos que lhes parecem interessantes e necessários nos capítulos a seguir.
    ( 485 páginas 27 ref. 37 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 2001
    Cod. A12 . 1 . 1 - 12 2001 - 1 X G
    MANUAL DE BIOSSEGURANÇA - CFO
    CFO - Conselho Federal da Odontologia
    O CFO, preocupado com a obrigação dos CD’s em manter o seu ambiente de trabalho dentro das normas universais de Biossegurança, como responsabilidade de cada um e dever de todos, assumiu o compromisso de promover a divulgação deste trabalho realizado por uma comissão de dedicados CD’s, que atenderam ao nosso convite, para elaborá-lo.
    ( 31 páginas 13 ref. 1 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 1999
    Cod. A12 . 1 . 1 - 1 1999 - 1 X G
    Resolução CFO - 179/91
    CFO
    Revoga o Código de Ética Odontológica aprovado pela Resolução CFO-151, de 16 dejulho de 1983 e aprova outro em substituição.
    ( 11 páginas 0 ref. 0 f.) Boletins Diversos e Manuais - Ano: 1991
    Cod. A12 . 1 . 1 - 12 1991 - 1 X G