®
 
Ortodontia / Ortopedia / Cefalometria / Ortognática.
ÍNDICE
BUSCA POR PALAVRA CHAVE
SOLICITE O ARTIGO
Artigos anteriores a 1996 - 124 .............
1.219- de 1996 a 2001
PÁGINA 5 DE 5
Número de artigos encontrados >>> 

0.830- de 2002 a 2004

ir para a página
Ver código de cores
1
2
3
4
5
Você esta pesquisando os artigos publicados de 2002 a 2004

 

AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA À TRAÇÃO DE AGENTES CIMENTANTES PARA BRÁQUETES ORTODÔNTICOS
TORTAMANO, A. et al.
O objetivo deste estudo foi avaliar a força de adesão de diferentes agentes cimentantes de bráquetes metálicos. Foram utilizados como agentes cimentantes resinas compostas restauradoras e de uso específico para ortodontia, além de um ionômero de vidro resino-modificado desenvolvido especificamente para esse fim.
(5p. 24ref. 11f.) Rev. Ass. Paul. Cirurg. Dent.
Cod. A01.56.4 - 0802 - 2 C-9403

RESPIRAÇÃO BUCAL E ALTERAÇÕES DENTOFACIAIS
MANGANELLO, L. C. et al.
Neste estudo, foram avaliadas 30 crianças, sendo 15 respiradoras bucais e 15 respiradoras nasais, com idade entre 7 e 11 anos.
(5p. 17ref. 5f.) Rev. Ass. Paul. Cirurg. Dent.
Cod. A01.56.6 - 1202 - 2 C-9404

AVALIAÇÃO MORFOMÉTRICA DO CRESCIMENTO DA CARTILAGEM DO PROCESSO CONDILAR DA MANDÍBULA DE RATOS SUBMETIDOS AO APARELHO HIPER-PROPULSOR "TWIN BLOCK LIKE"
SANTO JÚNIOR, M. D. et al.
Na presente pesquisa avaliou-se, qualitativa e quantitativamente, os efeitos do aparelho hiperpropulsor "twin block like" sobre o crescimento da mandíbula de ratos fêmeas com 30 dias de idade, distribuídos nos grupos GI, GII, GIII e GIV, constituídos respectivamente por animais sacrificados três, sete, quinze e trinta dias após o uso do aparelho.
(7p. 32ref. 2f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 1 D-9405

DIMENSÃO DO ESPAÇO NASOFARINGEANO EM INDIVÍDUOS PORTADORES DE MÁ-OCLUSÃO DE CLASSE II
BITTENCOURT, M. A. V. et al.
Este trabalho foi conduzido com o propósito de mensurar, através da radiografia cefalométrica de perfil, a dimensão do espaço aéreo livre, em crianças portadoras de maloclusão de Classe II.
(15p. 71ref. 10f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 2 F-9406

ESTUDO COMPARATIVO CEFALOMÉTRICO RADIOGRÁFICO DAS MUDANÇAS NO PERFIL TEGUMENTAR DE ADOLESCENTES COM MALOCLUSÃO DE CLASSE II, DIVISÃO 1ª E RETROGNATISMO MANDIBULAR, TRATADOS COM BIONATOR DE BALTERS
SILVA, S. U. & RODRIGUEZ, G. C. D.
Realizou-se estudo cefalométrico comparativo com o propósito de avaliar as mudanças no perfil tegumentar decorrentes do tratamento com Bionator de Balters em adolescentes com maloclusão de Classe II, divisão 1ª e retrognatismo mandibular.
(14p. 55ref. 10f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 4 F-9407

ESTUDO COMPARATIVO CEFALOMÉTRICO - RADIOGRÁFICO SOBRE OS EFEITOS DOS ARCOS TERMO-ATIVADOS NA ESTABILIDADE DOS DENTES POSTERIORES INFERIORES, DURANTE A FASE DE NIVELAMENTO, UTILIZANDO-SE O ARCO LINGUAL FIXO E PRESCRIÇÃO MBT
VIGORITO, J. W. & MORESCA, R.
Para avaliar os efeitos dos arcos termo-ativados na estabilidade dos dentes posteriores, durante a fase de nivelamento, utilizando-se como acessório o arco lingual inferior fixo e técnica de tratamento MBT, foi selecionada uma amostra de 17 pacientes, leucodermas, brasileiros, com dentadura permanente, idade média de 15 anos e 5 meses ao início do tratamento e com más oclusões de Classe II, divisão 1.
(10p. 19ref. 9f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 5 E-9408

ALTERAÇÕES CEFALOMÉTRICAS NO PERFIL FACIAL DECORRENTES DO TRATAMENTO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR
VEDOVELLO, S. A. S. et al.
O objetivo do presente trabalho foi avaliar os efeitos do tratamento ortodôntico interceptor com grade palatina removível e concomitante abandono do hábito sobre o perfil tegumentar e posicionamento labial de 30 indivíduos leucodermas com idade média de sete anos e dois meses, portadores de mordida aberta anterior conseqüente do hábito deletério de sucção de chupeta.
(11p. 82ref. 3f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 6 F-9409

PREVALÊNCIA DE MÁ-OCLUSÕES EM INDIVÍDUOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA AUDITIVA
GOMES, A. C. et al.
O objetivo deste estudo foi verificar a prevalência das maloclusões em indivíduos portadores de deficiência auditiva (D.A.).
(5p. 44ref. 5f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 7 C-9410

A HEREDITARIEDADE E A MALOCLUSÃO ESQUELÉTICA
MAGNANI, M. B. B. A. et al.
O objetivo do presente estudo foi avaliar, cefalometricamente, grandezas maxilares e mandibulares, em 25 famílias leucodermas, da região de Piracicaba-SP, com a finalidade de verificar a existência de relação entre os valores cefalométricos apresentados pelos pais e mães com os dos seus filhos, a fim de melhor elucidar o diagnóstico ortodôntico.
(7p. 25ref. 3f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 10 D-9411

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE A MATURAÇÃO ÓSSEA DAS VÉRTEBRAS CERVICAIS E A REGIÃO CARPAL
SCHSTERCHITZ, T. et al.
O objetivo do presente trabalho foi correlacionar dois métodos de estimativa de maturação óssea, utilizando-se de uma amostra de crianças brasileiras.
(10p. 35ref. 22f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 16 E-9412

INFLUÊNCIA DOS MATERIAIS DE FIXAÇÃO E TRATAMENTO DE SUPERFÍCIE NA RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO DA UNIÃO BRÁQUETE E PORCELANA
CORRER SOBRINHO, L. et al.
Os objetivo deste estudo foi avaliar a resistência ao cisalhamento da união bráquetes-porcelana dental, utilizando as variáveis: materiais de fixação e tratamento de superfície.
(7p. 39ref. 2f.) Ortodontia
Cod. B01.35.3 - 0902 - 18 D-9413

AVALIAÇÃO DA CONFIABILIDADE NAS MENSURAÇÕES CEFALOMÉTRICAS COMPUTADORIZADAS, ATRAVÉS DA REPRODUTIBILIDADE DO TRAÇADO CEFALOMÉTRICO EM DIFERENTES MOMENTOS
CUNHA, T. C. R. et al.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a confiabilidade das mensurações cefalométricas através da reprodutibilidade dos traçados em diferentes momentos.
(6p. 25ref. 6f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.7.40 - 0802 - 7 C-9414

ESTUDO DOS SISTEMAS DE FORÇAS GERADOS PELAS ALÇAS ORTODÔNTICAS PARA FECHAMENTO DE ESPAÇOS
SHIMIZU, R. H. et al.
O presente estudo estabeleceu os sistemas de forças das alças Bull e T quando centralizadas no espaço interbraquetes.
(18p. 47ref. 18f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.7.41 - 1002 - 2 F-9415

AVALIAÇÃO RADIOGRÁFICA DO NÍVEL DE REABSORÇÃO RADICULAR E PERDA ÓSSEA ALVEOLAR PRÉ E PÓS-TRATAMENTO ORTODÔNTICO
COSTA, L. F. M. et al.
O objetivo desta investigação foi o de analisar a prevalência de reabsorção radicular e a perda óssea alveolar pré e pós-tratamento ortodôntico.
(7p. 19ref. 5f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.7.41 - 1002 - 5 D-9416

AVALIAÇÃO DA CONFIABILIDADE DA ANÁLISE CEFALOMÉTRICA DE PERFIL COMPUTADORIZADA
FERREIRA, J. T. L. & TELLES, C. S.
Este trabalho teve o propósito de avaliar a confiabilidade entre dois métodos utilizados na elaboração do cefalograma de perfil: o computadorizado e o manual.
(4p. 20ref. 3f.) Braz. Dent. J.
Cod. C06.13.3 - 1202 - 12 B-9417

COLAGEM DE BRACKETS EM PORCELANA: ESTUDO "IN VITRO"
SANT'ANNA, E. F. et al.
Este estudo foi realizado com o objetivo de verificar, "in vitro", ao influência de vários tratamentos da superfície da porcelana sobre a resistência ao cisalhamento de "brackets" ortodônticos colados sobre porcelana e o modo de fratura após a descolagem.
(6p. 20ref. 8f.) Braz. Dent. J.
Cod. C06.13.3 - 1202 - 16 C-9418

PREVALÊNCIA DAS MÁS OCLUSÕES EM PACIENTES INSCRITOS PARA TRATAMENTO ORTODÔNTICO NA FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE BAURU - USP
FREITAS, M. R. et al.
No intuito de estudar a prevalência das principais más oclusões e irregularidades dentolaveolares, na população que costuma procurar o tratamento ortodôntico na Faculdade de Odontologia de Bauru - USP, examinaram-se os modelos de estudo de 520 pacientes no final da dentadura mista e início da dentadura permanente.
(6p. 17ref. 8f.) Rev. FOB
Cod. C09.10.3 - 0902 - 7 C-9419

ESTUDO COMPARATIVO DOS EFEITOS TEGUMENTARES DO ATIVADOR COMBINADO COM A ANCORAGEM EXTRABUCAL NO TRATAMENTO DA CLASSE II, 1ª DIVISÃO DE ANGLE
HENRIQUES, J. F. C. et al.
Este trabalho teve por objetivo avaliar, comparativamente, as alterações cefalométricas principalmente tegumentares, decorrentes do tratamento da má oclusão de Classe II, 1ª divisão de Angle, com o Ativador combinado com a ancoragem extrabucal.
(8p. 29ref. 9f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.4 - 0802 - 1 D-9420

PREVALÊNCIA DE OCLUSÃO NORMAL E MÁ OCLUSÃO EM BRASILEIROS, ADULTOS, LEUCODERMAS, CARACTERIZADOS PELA NORMALIDADE DO PERFIL FACIAL
REIS, S. A. B. et al.
O objetivo do presente estudo foi determinar a prevalência de oclusão normal e das más oclusões de Classe I, Classe II (divisões 1 e 2) e Classe III em uma amostra constituída com o objetivo de representar a população de brasileiros adultos, leucodermas, não tratados ortodonticamente e caracterizados pela normalidade do perfil facial.
(9p. 18ref. 11f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.5 - 1002 - 1 E-9421

AVALIAÇÃO CEFALOMÉTRICA EM NORMA FRONTAL, DAS ALTERAÇÕES DENTOESQUELÉTICAS PRODUZIDAS PELO APARELHO EXPANSOR FIXO COM COBERTURA DE ACRÍLICO
SIQUEIRA, D. F. et al.
Neste estudo cefalométrico objetivou-se avaliar, por meio de radiografias póstero-anteriores, as alterações dentoesqueléticas decorrentes da Expansão Rápida da Maxila (ERM), realizada com o aparelho expansor fixo com cobertura de acrílico.
(18p. 57ref. 21f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.5 - 1002 - 2 F-9422

DETERMINAÇÃO DO DIÂMETRO MÉSIO-DISTAL DE DENTES CANINOS E PRÉ-MOLARES EM INDIVÍDUOS BRASILEIROS DA REGIÃO DE ARARAQUARA
PAIXÃO, R. F. et al.
A determinação do diâmetro mésio-distal de caninos e pré-molares foi testada em pacientes brasileiros da região de Araraquara (método de Moyers).
(9p. 37ref. 12f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.5 - 1002 - 3 E-9423

ESTUDO CEFALOMÉTRICO COMPARATIVO ENTRE 2 TIPOS DE BIONATORES: COM E SEM ALÍVIO LINGUAL DOS INCISIVOS INFERIORES
OLIVEIRA, R. A. et al.
O desenvolvimento deste trabalho se motivou com o propósito de realizar uma avaliação cefalométrica comparativa da inclinação dos incisivos inferiores em pacientes portadores de má oclusão Classe II, divisão 1 por retrusão mandibular, tratados com dois tipos distintos de "desenho" do aparelho Bionator.
(9p. 12ref. 23f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.5 - 1002 - 4 E-9424

COLAGEM DE BRACKETS NOS INCISIVOS COM O CIMENTO IONOMÉRICO FUJI ORTHO LC, NUM PROTOCOLO DE NIVELAMENTO 4X2, DURANTE A DENTADURA MISTA
SILVA FILHO, O. G. et al.
O presente trabalho de pesquisa estudou a efetividade clínica de um cimento ionomérico foto-polimerizável ("Fuji Ortho LC"), em comparação com uma resina composta tradicional ("Concise Ortodôntico").
(11p. 106ref. 35f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.6 - 1202 - 1 F-9425

ESTUDO COMPARATIVO, POR MEIO DE ANÁLISE CEFALOMÉTRICA EM NORMA FRONTAL, DOS EFEITOS DENTOESQUELÉTICOS PRODUZIDOS POR TRÊS TIPOS DE EXPANSORES PALATINOS
SIQUEIRA, D. F. et al.
Realizou-se um estudo cefalométrico comparativo dos efeitos de três tipos de expansores palatinos, utilizados para a expansão rápida da maxila (ERM), com o objetivo de observar, por meio de radiografias póstero-anteriores, as alterações dentoesqueléticas decorrentes da expansão e as possíveis diferenças entre os aparelhos.
(21p. 73ref. 27f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.6 - 1202 - 2 F-9426

DESEMPENHO BIOMECÂNICO DA ALÇA "T", CONSTRUÍDA COM FIO DE AÇO INOXIDÁVEL, DURANTE O FECHAMENTO DE ESPAÇOS NO TRATAMENTO ORTODÔNTICO
SHIMIZU, R. H. et al.
O desempenho mecânico da alça T centralizada no espaço inter-braquete foi avaliado em distintas situações de espessura do fio ortodôntico, intensidades de ativações e pré-ativações.
(13p. 43ref. 10f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.6 - 1202 - 3 F-9427

ESTUDO DAS CARACTERÍSTICAS OCLUSAIS EM PORTADORES DE PADRÃO FACE LONGA COM INDICAÇÃO DE TRATAMENTO ORTODÔNTICO-CIRÚRGICO
CARDOSO, M. A. et al.
O presente estudo teve por objetivo avaliar as características sagitais, verticais e transversais da oclusão de uma amostra de 38 brasileiros, de ambos os gêneros, entre 15 e 38 anos, portadores de padrão face longa com indicação de tratamento ortodôntico-cirúrgico.
(8p. 20ref. 23f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.7.6 - 1202 - 4 D-9428

QUADRIHÉLICE - ASPECTOS CEFALOMÉTRICOS E ORTOPÉTIDOS DA SUA UTILIZAÇÃO NA MORDIDA CRUZADA POSTERIOR FUNCIONAL
MATTA, E. N. R. et al.
Esse estudo foi realizado com o objetivo de avaliar os efeitos cefalométricos e ortopédicos da mecânica de expansão do arco dentário superior com o uso do quadrihélice em uma amostra composta de 9 pacientes portadores de mordida cruzada posterior funcional.
(8p. 24ref. 10f.) Rev. Clin. Ortod. Dent. Press
Cod. D33.1.3 - 0702 - 7 D-9429

CORRELAÇÃO ENTRE ALGUMAS GRANDEZAS CEFALOMÉTRICAS QUE DETERMINAM O PADRÃO FACIAL E O PROGNATISMO MAXILOMANDIBULAR, EM PORTADORES DE MÁ-OCLUSÃO DE CLASSE II, 1ª DIVISÃO
GEISER, M. et al.
A presente pesquisa comparou as medidas NSGn, NSGoM e FMA, relativos ao padrão facial definido pelos tipos braqui-, meso- ou dolico- facial com o ângulo SNA, indicativo do prognatismo maxilar, com os ângulos SNB e SND, que exprimem o prognatismo mandibular e com o ângulo ANB, indicador da relação ântero-posterior da maxila com a mandíbula.
(11p. 36ref. 6f.) Rev. Odont. UNICID
Cod. E05.14.2 - 0802 - 2 F-9430

AVALIAÇÃO PERIODONTAL DOS INCISIVOS INFERIORES EM PACIENTES TRATADOS ORTODONTICAMENTE COM EXTRAÇÃO DE QUATRO PRÉ-MOLARES
MARTINS, P. P. et al.
Este trabalho objetivou comparar, em média cinco anos após o término da mecânica corretiva, as condições do periodonto na face lingual dos incisivos inferiores em 25 jovens tratados sem extrações (grupo 1) e 25 jovens tratados ortodonticamente com extrações de quatro pré-molares (grupo 2), os quais apresentavam más oclusões de Classe I e II.
(7p. 24ref. 7f.) Rev. FOB
Cod. C09.10.4 - 1202 - 7 D-9431

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE MATERIAIS UTILIZADOS PARA CIMENTAÇÃO DE BANDAS ORTODÔNTICAS
ROMANO, F. L. & RUELLAS, A. C. O.
Neste estudo foram comparados, quanto à resistência, ao cisalhamento e ao ARI (Índice de Adesivo Remanescente), o cimento de fosfato de zinco e os ionômeros de vidro Vidrion C, Water Cem e Fuji Ortho LC.
(6p. 20ref. 8f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.7.42 - 1202 - 6 C-9432

ESTUDO COMPARATIVO CEFALOMÉTRICO - RADIOGRÁFICO DO PADRÃO FACIAL NA MÁ-OCLUSÃO DE CLASSE II, 1 DE ANGLE, EMPREGANDO AS ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DE RICKETTS E SIRIWAT & JARABAK
MORESCA, R. et al.
O objetivo deste estudo foi verificar se existe correlação entre a classificação do padrão facial segundo as análises de Ricketts e de Siriwat & Jarabak.
(6p. 7ref. 11f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.7.42 - 1202 - 9 C-9433

ESTUDO DOS TIPOS DE GUIA LATERAL EM PACIENTES TRATADOS ORTODONTICAMENTE COMPARADOS COM PACIENTES NÃO-TRATADOS
CAPOTE, T. S. O. et al.
O objetivo deste estudo foi avaliar os tipos de guia lateral de pacientes tratados ortodonticamente comparados com pacientes não-tratados e a relação entre disfunção temporomandibular e guia lateral.
(6p. 11ref. 14f.) JBA: J. Bras. Ocl. ATM Dor Orofacial
Cod. B30.2.8 - 1202 - 4 C-9434

RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO DA COLAGEM DE TUBOS ORTODÔNTICOS
MELLO, M. M. & ELIAS, C. N.
O presente trabalho objetivou avaliar "in vitro" a resistência ao cisalhamento da interface de colagem de tubos de base lisa jateada com alumina, tubos de base lisa jateada com aplicação de adesivo para metais e um grupo de controle formado por tubos com base de tela preparada pelo fabricante.
(4p. 13ref. 9f.) Rev. Bras. Odont.
Cod. A02.59.6 - 1202 - 14 B-9435

EFEITO DO TRATAMENTO ORTODÔNTICO FIXO SOBRE A ALTURA DO OSSO ALVEOLAR
GIOLLO, L. D. et al.
O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos do tratamento ortodôntico fixo sobre a altura do osso alveolar interproximal em adolescentes.
(8p. 12ref. 1f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 1 D-9436

AVALIAÇÃO DA PROFUNDIDADE PALATINA EM PACIENTES COM DIFERENTES TIPOS FACIAIS
ARMANDO, R. S. et al.
O objetivo desta pesquisa foi avaliar a relação da profundidade palatina de pacientes com má oclusão (Classe I, II ou III de Angle), nos diferentes tipos faciais.
(8p. 12ref. 6f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 2 D-9437

OCORRÊNCIA DE ALTERAÇÕES VOCAIS E DE FALA EM INDIVÍDUOS COM MÁ OCLUSÃO
CARDOSO, A. P. C. & BOMMARITO, S.
O objetivo da presente pesquisa foi verificar a ocorrência de alterações vocais e de fala em indivíduos com má oclusão.
(9p. 12ref. 7f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 3 E-9438

AVALIAÇÃO DAS FUNÇÕES ESTOMATOGNÁTICAS NOS DIFERENTES TIPOS DE MÁ OCLUSÃO
ZANELATO, A. C. T. et al.
As funções estomatognáticas compreendem as funções de sucção, respiração, mastigação, deglutição e fonação (TANIGUTE, 1998). Estas funções por sua vez estão intimamente ligadas a oclusão. Pensando nesta relação é que tivemos como objetivo deste estudo avaliar e descrever as principais alterações das funções estomatognáticas encontradas nos pacientes com diferentes tipos de má oclusão.
(11p. 17ref. 5f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 4 E-9439

PREVALÊNCIA DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM ESCOLARES DE 4 A 12 ANOS DE IDADE
ZAPATA, M. R. S. M. et al.
O presente estudo teve como objetivo determinar a prevalência da mordida aberta anterior quanto à raça, idade, gênero e hábitos presentes em escolares de 4 a 12 anos de idade.
(9p. 17ref. 9f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 5 E-9440

DETERMINAÇÃO DO TIPO FACIAL POR MEIO DO EIXO DA SÍNFISE MANDIBULAR
SCANAVINI, C. & SCANAVINI, M. A.
O presente estudo teve como objetivo analisar a relação entre a medida N-VT (inclinação da sínfise mandibular em relação ao ponto Násio) e os tipos faciais, segundo Ricketts.
(5p. 16ref. 1f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 7 C-9441

AVALIAÇÃO DA RELAÇÃO ENTRE SURTO DE CRESCIMENTO PUBERAL E TIPO FACIAL
URBANO, A. L. et al.
O propósito deste trabalho consiste em verificar, em jovens do sexo feminino, se há relação entre a época do surto de crescimento puberal e os três tipos faciais, em face da importância desta fase do crescimento e desenvolvimento para o diagnóstico e plano de tratamento ortodôntico.
(8p. 30ref. 6f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 10 D-9442

O SURTO DE CRESCIMENTO PUBERAL E SUA RELAÇÃO COM OS PADRÕES FACIAIS NO SEXO MASCULINO
POUBEL, D. et al.
A pesquisa avaliou o início do Surto de Crescimento Puberal (S.C.P.) para os diferentes tipos faciais: braqui, meso e dolico, entre jovens brasileiros, leucodermas, do sexo masculino.
(9p. 30ref. 6f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 12 E-9443

ANOMALIAS DENTÁRIAS: DETERMINAÇÃO DE FREQÜÊNCIA DE AGENESIAS
PEREIRA, M. S. et al.
Nesta pesquisa foram avaliadas 384 radiografias panorâmicas, de pacientes que procuraram tratamento ortodôntico no curso de especialização em ortodontia da UMESP, sendo 198 pacientes do sexo feminino e 186 do sexo masculino com idades entre oito anos e dois meses e vinte e um anos e seis meses e idade média de quatorze anos e oito meses.
(6p. 14ref. 2f.) Odonto
Cod. D06.10.20 - 1202 - 15 C-9444

RELAÇÃO INTRA-ARCO NA DENTADURA DECÍDUA: DIASTEMAS, AUSÊNCIA DE DIASTEMAS E APINHAMENTO
SILVA FILHO, O. G. et al.
A relação intra-arco foi avaliada em 2016 crianças (1032 do gênero masculino e 984 do gênero feminino) de 12 pré-escolas públicas e 8 pré-escolas particulares do município de Bauru-SP, no estágio de dentadura decídua completa, compreendendo a faixa etária de 3 a 6 anos.
(13p. 29ref. 27f.) Ortodontia
Cod. B01.35.4 - 1202 - 1 F-9445

AVALIAÇÃO CEFALOMÉTRICO - RADIOGRÁFICA DAS MODIFICAÇÕES DENTOALVEOLARES DECORRENTES DO TRATAMENTO COM O APARELHO HERBST EM ADOLESCENTES COM MALOCLUSÃO DE CLASSE II, DIVISÃO 1ª DE ANGLE - PARTE I
SCHÜTZ, T. C. B. et al.
Neste estudo prospectivo avaliou-se cefalometricamente as modificações dento-alveolares e do perfil facial decorrentes do tratamento da maloclusão de Classe II, divisão 1ª, com o aparelho Herbst com "splints" acrílicos.
(13p. 83ref. 4f.) Ortodontia
Cod. B01.35.4 - 1202 - 2 F-9446

ESTUDO DO COMPORTAMENTO DO PERFIL FACIAL NOS TERÇOS MÉDIO E INFERIOR, DECORRENTE DO TRATAMENTO ORTODÔNTICO EM PACIENTES COM MALOCLUSÕES DE CLASSE I E CLASSE II, 1ª DIVISÃO
GUARIZA FILHO, O. & ABRÃO, J.
Este estudo apresenta as modificações dos terços médio e inferior da face, durante o tratamento ortodôntico, em pacientes com maloclusão Classe I e Classe II, divisão 1 (Angle) com biprotrusão.
(17p. 47ref. 26f.) Ortodontia
Cod. B01.35.4 - 1202 - 3 F-9447

AVALIAÇÃO DA REPRODUTIBILIDADE DA POSIÇÃO NATURAL DA CABEÇA: ESTUDO RADIOGRÁFICO
RINO NETO, J. et al.
O objetivo neste estudo foi avaliar a reprodutibilidade do registro da Posição Natural da Cabeça (PNC) em crianças brasileiras como método de padronização para obtenção de telerradiografias em norma lateral.
(14p. 41ref. 10f.) Ortodontia
Cod. B01.35.4 - 1202 - 4 F-9448

RELAÇÃO ENTRE AS VARIAÇÕES DE POSICIONAMENTO DO PLANO SAGITAL MEDIANO E A ASSIMETRIA MANDIBULAR EM RADIOGRAFIAS PANORÂMICAS
MATHEUS, R. A. et al.
O presente trabalho teve como finalidade auxiliar o grau de assimetria mandibular produzido por alterações de posicionamento em radiografias panorâmicas.
(8p. 14ref. 8f.) Ortodontia
Cod. B01.35.4 - 1202 - 5 D-9449

PREVALÊNCIA DE MALOCLUSÃO EM PRÉ-ESCOLARES DE UMA REGIÃO DA CIDADE DE CURITIBA
FRANÇA, B. H. S. et al.
Foi realizado um estudo objetivando buscar subsídios para o planejamento e avaliação de ações preventivas de maloclusões em saúde pública.
(4p. 10ref. ) Rev. Odonto Ciênc.
Cod. E03.17.37 - 0902 - 8 B-9450

ESTUDO COMPARATIVO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS: MANUAL, COMPUTADORIZADA E COMPUTADORIZADA - MANUAL, EM NORMA LATERAL
BERTOLLO, R. M. et al.
O objetivo do presente trabalho foi avaliar comparativamente três métodos de análise cefalométrica segundo padrões d Ricketts quanto à precisão e a confiabilidade entre os mesmos e do programa Radiocef 2.0 empregado.
(7p. 27ref. 3f.) Rev. Odonto Ciênc.
Cod. E03.17.38 - 1202 - 10 D-9451

ALTERAÇÕES DENTO-ESQUELETAIS OBSERVADAS DURANTE O USO DO APARELHO FUNCIONAL TWIN BLOCK, EM PACIENTES PORTADORES DE MALOCLUSÃO DE CLASSE II, TRATADOS NA FASE DE PRÉ-SURTO DE CRESCIMENTO PUBERAL
QUINTÃO, C. A. et al.
Foi realizado um estudo das alterações dento-esqueletais observadas durante o uso do aparelho funcional Twin Block em pacientes portadores de maloclusão de Classe II, tratados na fase de pré-surto de crescimento puberal.
(15p. 26ref. 22f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.6.2 - 1202 - 1 F-9452

EXCREÇÃO URINÁRIA DE NÍQUEL, ANTES E DOIS MESES APÓS A COLOCAÇÃO DE APARELHOS ORTODÔNTICOS
MENEZES, L. M. et al.
O níquel, um dos componentes dos aparelhos ortodônticos, produz mais reações alérgicas do que todos os outros metais combinados, podendo promover um amplo aspecto de reações de hipersensibilidade nos indivíduos suscetíveis. Nesta pesquisa, avaliou-se a quantidade de níquel presente na urina, antes e 2 meses após a colocação dos aparelhos fixos, em vinte e um pacientes.
(6p. 24ref. 5f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.6.2 - 1202 - 5 C-9453

TRATAMENTO PRECOCE DA MALOCLUSÃO DE CLASSE II, DIVISÃO 1, COM SPLINT DE TRAÇÃO MAXILAR - ESTUDO CLÍNICO PROSPECTIVO
RITTER, D. E. & ALMEIDA, M. A. O.
Este estudo prospectivo foi realizado com o objetivo de verificar as alterações cefalométricas maxilares, mandibulares e dentárias ocorridas em pacientes portadores de maloclusão de Classe II, divisão 1 de Angle, submetidos a tratamento em momento pré-surto de crescimento puberal.
(13p. 26ref. 13f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.6.2 - 1202 - 6 F-9454

AVALIAÇÃO "IN VITRO" DA RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO DE BRACKETS COLADOS COM TRANSBOND PLUS SELF ETCHING PRIMER A SECO
BIANCHI, A. & PLATCHECK, D.
O objetivo deste estudo é avaliar, in vitro, a resistência ao cisalhamento da colagem de brackets metálicos com Transbond XT, associado ao agente adesivo hidrofílico Trasbond Plus Self Etching Primer (TPSEP) em superfície de esmalte seca e compará-la com a resistência promovida pelo mesmo material em superfície de esmalte levemente úmida.
(13p. 21ref. 10f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.6.2 - 1202 - 8 F-9455

PREVALÊNCIA DE OCLUSOPATIA NA DENTIÇÃO DECÍDUA E PERMANENTE DE CRIANÇAS NA CIDADE DE SÃO PAULO, BRASIL, 1996
FRAZÃO, P. et al.
O objetivo deste estudo foi estimar a prevalência de oclusopatia na dentição decídua e permanente de crianças de escolas públicas e privadas do Município de São Paulo, SP, Brasil, em 1996.
(9p. 49ref. 7f.) Cad. Saúde Pública - CSP
Cod. C32.18.5 - 1002 - 5 E-9456

AVALIAÇÃO DO POSICIONAMENTO DOS TERCEIROS MOLARES EM CASOS TRATADOS COM E SEM EXTRAÇÕES DE PRÉ-MOLARES
CARLINI, M. G. & CAPELLI JUNIOR, J.
O propósito deste estudo foi avaliar as alterações no posicionamento dos terceiros molares superiores e inferiores, em pacientes tratados com e sem extrações.
(7p. 37ref. 7f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.1 - 0203 - 2 D-13.644

QUADRIHÉLICE - ASPECTOS DENTÁRIOS DA SUA UTILIZAÇÃO EM MORDIDA CRUZADA POSTERIOR FUNCIONAL
MATTA, E. N. R. et al.
Esse estudo foi realizado com o objetivo de avaliar as alterações dentárias e a efetividade da mecânica de expansão do arco dentário superior com o uso do quadrihélice em uma amostra composta de 09 pacientes portadores de mordida cruzada posterior funcional.
(6p. 22ref. 10f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.1 - 0203 - 3 C-13.645

AVALIAÇÃO DOS ÍNDICES DAI E IOTN NO DIAGNÓSTICO DE MÁS OCLUSÕES E NECESSIDADE DE TRATAMENTO ORTODÔNTICO
CUNHA, A. C. P. P. et al.
Este estudo foi realizado em pacientes tratados do Curso de Especialização em Ortodontia da FOUERJ com o intuito de analisar a presença ou a ausência de oclusopatias, o prejuízo estético e o grau de necessidade de tratamento ortodôntico destes, através da utilização dos índices DAI e IOTN.
(8p. 23ref. 21f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.1 - 0203 - 4 D-13.646

AVALIAÇÃO DA MATURAÇÃO ÓSSEA NA SUTURA PALATINA MEDIANA, APÓS EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA, POR MEIO DE IMAGEM DIGITALIZADA
SIMÕES, F. X. P. C. et al.
Foi realizado um estudo com o propósito de avaliar a maturação óssea na região da sutura palatina mediana após disjunção rápida da maxila, por meio da variação de densidade ótica, comparando os valores pré-expansão com aqueles encontrados na fase de contenção.
(9p. 45ref. 11f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.1 - 0203 - 5 E-13.647

CONTROLE QUÍMICO E MECÂNICO DE PLACA EM PACIENTES ORTODÔNTICOS. UMA ANÁLISE POR GRUPO DE DENTES DE ACORDO COM O ACESSÓRIO ORTODÔNTICO EMPREGADO
MATOS, M. S. et al.
Este trabalho teve como proposta analisar os índices de placa e gengival de pacientes ortodônticos, por grupo de dentes de acordo com o acessório ortodôntico empregado, assim como o efeito do controle mecânico e químico de placa sobre cada um desses grupos.
(7p. 19ref. 4f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.1 - 0203 - 8 D-13.648

COMPORTAMENTO DA POLPA DENTAL HUMANA FRENTE À DESCOLAGEM DE BRAQUETES CERÂMICOS COM LASER CO2 "IN VIVO"
MERCADANTE, M. M. N. et al.
Avaliou-se histomorfologicamente, polpas de pré-molares humanos, eleitos para extração por motivos ortodônticos, e que tiveram braquetes cerâmicos descolados com laser CO2 e irradiados por 2 segundos, com potências de 10, 14 e 18 watts in vivo.
(9p. 44ref. 12f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.1 - 0203 - 12 E-13.649

AVALIAÇÃO DA INCLINAÇÃO DO INCISIVO SUPERIOR EM INDIVÍDUOS CLASSE II, DIVISÃO 1 DE ANGLE - PRÉ E PÓS TRATAMENTO. (ESTUDO CEFALOMÉTRICO)
ARAMAKI, R. Y. I. et al.
Com o objetivo de avaliar o posicionamento angular do incisivo superior, através do angular FUIA (Frankfurt upper incisor angle), e sua relação com o triângulo diagnóstico de Tweed, em indivíduos inicialmente com má oclusão de Classe II, divisão 1 de Angle.
(16p. 26ref. 15f.) Ortodontia
Cod. B01.36.1 - 0403 - 1 F-13.650

AVALIAÇÃO CEFALOMÉTRICO - RADIOGRÁFICA DAS MODIFICAÇÕES ESQUELÉTICAS E DO PERFIL FACIAL DECORRENTES DO TRATAMENTO COM O APARELHO HERBST EM ADOLESCENTES COM MALOCLUSÃO DE CLASSE II, DIVISÃO 1 DE ANGLE - PARTE II
SCHÜTZ, T. C. B. et al.
Neste estudo prospectivo avaliou-se cefalometricamente as modificações dentofaciais ântero-posteriores decorrentes do tratamento da maloclusão de Classe II, divisão 1, com o aparelho Herbst com "splints" acrílicos.
(18p. 83ref. 21f.) Ortodontia
Cod. B01.36.1 - 0403 - 3 F-13.651

ESTUDO DA POSIÇÃO CEFALOMÉTRICA DO INCISIVO CENTRAL SUPERIOR, EM INDIVÍDUOS TRATADOS PELA TÉCNICA ORTODÔNTICA MD3
INAIMO, F. A. et al.
O objetivo deste estudo foi comparar a posição dos incisivos centrais superiores de indivíduos portadores de maloclusão de Classe I ou Classe II, tratados pela técnica MD3, com aqueles dotados de oclusão clinicamente normal.
(9p. 32ref. 8f.) Ortodontia
Cod. B01.36.1 - 0403 - 4 E-13.652

AVALIAÇÃO RADIOGRÁFICA DA (AS) SIMETRIA MANDIBULAR EM PACIENTES COM MORDIDA CRUZADA POSTERIOR COMPARADOS COM JOVENS COM OCLUSÃO NORMAL
MARUO, M. E. et al.
Este trabalho objetivou a avaliação da presença ou não da assimetria do côndilo e do ramo mandibular decorrente das adaptações funcionais, em pacientes com mordida cruzada.
(16p. 39ref. 12f.) Ortodontia
Cod. B01.36.1 - 0403 - 7 F-13.653

ESTUDO LONGITUDINAL DAS ALTERAÇÕES NO ÂNGULO ANB EM PACIENTES CLASSE II ESQUELÉTICA, TRATADOS COM APARELHO EXTRA-ORAL DE KLOEHN
LIMA FILHO, R. M. A. et al.
Foi realizado estudo longitudinal para avaliar alterações no ângulo ANB em pacientes Classe II esquelética, submetidos a tratamento com aparelho extra-oral de Kloehn.
(9p. 44ref. 22f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.2 - 0403 - 1 E-13.654

AVALIAÇÃO DO GRAU DE COLABORAÇÃO E ACEITAÇÃO DOS PACIENTES NA UTILIZAÇÃO DE DOIS DIFERENTES TIPOS DE APARELHOS REMOVÍVEIS
JANSON, G. R. P. et al.
Com a finalidade de conhecer as respostas dos pacientes à utilização destes aparelhos, avaliou-se neste estudo piloto, o grau de colaboração e aceitação dos dois diferentes tipos de aparelhos removíveis e comparou-se a porcentagem de pacientes de cada um dos grupos, que necessitaram de aparelhos fixos para a finalização.
(10p. 57ref. 6f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.2 - 0403 - 2 E-13.655

RELAÇÃO ENTRE O TRATAMENTO ORTODÔNTICO E O DIAGNÓSTICO DE CISTO ÓSSEO TRAUMÁTICO
GUERRA, E. N. S. et al.
Uma pesquisa sobre o cisto ósseo traumático foi realizada com o objetivo de estudar a prevalência deste cisto em pacientes tratados ortodonticamente e discutir sua possível relação etiopatogênica.
(8p. 33ref. 9f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.2 - 0403 - 3 D-13.656

AVALIAÇÃO DA SEVERIDADE DE MÁ OCLUSÃO DE ACORDO COM O GÊNERO, IDADE E TIPO DE ESCOLA EM CRIANÇAS DE 6 A 12 ANOS RESIDENTES NA CIDADE DE ARARAQUARA
CAPOTE, T. S. O. et al.
O objetivo do presente estudo foi verificar a correlação entre a severidade de má oclusão com gênero, idade e tipo de escola em 930 crianças, de 6 a 12 anos de idade.
(5p. 30ref. 8f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.2 - 0403 - 5 C-13.657

COMPARAÇÃO ENTRE ENDOSCOPIA NASOFARINGIANA E TELERRADIOGRAFIA CEFALOMÉTRICA LATERAL NO DIAGNÓSTICO DA OBSTRAÇÃO DO ESPAÇO AÉREO NASOFARINGIANO
IANNI FILHO, D. et al.
Foram comparados dois métodos auxiliares de diagnóstico das obstruções nasofaringianas: telerradiografia cefalométrica lateral e videoendoscopia nasofaringiana, para avaliar a eficácia dos mesmos através do estudo de reprodutibilidade e validade.
(6p. 26ref. 10f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.2 - 0403 - 10 C-13.658

ANÁLISE RADIOGRÁFICA COM IMAGENS DIGITALIZADAS DA ABERTURA DA SUTURA PALATINA MEDIANA NA EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA EM PACIENTES DE 6 A 14 ANOS
HORST, L. H. M. & BRÜCKER, M. R.
A presente pesquisa teve como objetivo avaliar a relação existente entre a abertura da sutura palatina mediana através da digitalização indireta da radiografia oclusal da maxila e a abertura (em milímetros) do parafuso expansor.
(8p. 22ref. 3f.) Rev. Odonto Ciênc.
Cod. E03.18.39 - 0303 - 5 D-13.659

AVALIAÇÃO DE TRÊS INSTRUMENTOS DE COLETA DE DADOS PARA MENSURAÇÃO MORFOMÉTRICA DIRETA LINEAR EM CRESCIMENTO CRANIOFACIAL DE COELHOS
OLIVEIRA, M. G. et al.
Três instrumentos de coleta de dados (paquímetro digital de precisão - PDP, compasso de pontas secas - CPS, e fio de nylon - FNy) são avaliados quanto a concordância dos seus resultados em uma mensuração morfométrica direta por meio de sucessivas aferições lineares de diferentes distâncias ântero-posteriores (lambdóide-frontal (LF), front-nasal (FN), nasal (N) e lambdóide-abertura piriforme (LAP)) correspondentes a intervalos entre pontos anatômicos em peças de crânios secos de coelhos.
(7p. 24ref. 1f.) Rev. Odonto Ciênc.
Cod. E03.18.39 - 0303 - 11 D-13.660

ANÁLISE DA MORFOLOGIA OCLUSAL DOS PRIMEIROS MOLARES PERMANENTES EM GÊMEOS
FERREIRA, E. S. et al.
Os dentes podem ser utilizados como amostras para o estudo da natureza e do momento da ocorrência dos distúrbios que acontecem no início da vida até após a adolescência.
(5p. 20ref. 3f.) Rev. Bras. Odont.
Cod. A02.60.2 - 0403 - 15 C-13.661

A UTILIZAÇÃO DO ÍNDICE PAR NO ESTUDO DA RELAÇÃO ENTRE O TEMPO DE TRATAMENTO COM A SEVERIDADE INICIAL E O GRAU DE MELHORA DA MALOCLUSÃO
MIGUEL, J. A. M. & CALHEIROS, A. A.
No presente estudo, o índice PAR (Peer Assessment Rating) foi aplicado em modelos de pacientes tratados na Clínica de Ortodontia da UERJ com o objetivo de investigar a relação entre a duração da intervenção ortodôntica com a severidade inicial da maloclusão e o grau de melhora do caso.
(5p. 12ref. 13f.) Rev. Bras. Odont.
Cod. A02.60.3 - 0603 - 18 C-13.662

RESISTÊNCIA DE UNIÃO DE BRACKETS COM UM NOVO SISTEMA AUTOCONDICIONANTE
LOPES, G. C. et al.
O objetivo deste trabalho laboratorial foi comparar a resistência de união de brackets ortodônticos ao esmalte tratado com dois sistemas condicionadores: um novo sistema adesivo autocondicionante (TransBond XT Self-etching Primer, 3M Unitek) e o tradicional ácido fosfórico a 35% (3M).
(6p. 21ref. 9f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.43 - 0203 - 4 C-13.663

COMPARAÇÃO DO DIÂMETRO MÉSIO-DISTAL DE INCISIVOS E PRIMEIROS MOLARES PERMANENTES ENTRE GÊMEOS MONOZIGÓTICOS
BRAGA, C. P. et al.
Com o intuito de verificar se as dimensões dentárias são influenciadas geneticamente, os autores compararam os diâmetros mésio-distais de incisivos centrais, incisivos laterais e primeiros molares permanentes superiores e inferiores, entre 15 pares de gêmeos monozigóticos que seriam submetidos a tratamento ortodôntico.
(10p. 26ref. 9f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.43 - 0203 - 8 E-13.664

ESTUDO COMPARATIVO, INTER-RAÇAS, A PARTIR DE ANÁLISE CEFALOMÉTRICA COMPUTADORIZADA DE RICKETTS EM NORMA LATERAL, DE SUJEITOS COM HARMONIA FACIAL
SILVA, D. N. et al.
Partindo do pressuposto de que o padrão cefalométrico deve ser raça-específico, esta pesquisa realizou um estudo comparativo entre dimensões cefalométricas lineares e angulares, a partir de telerradiografias, em norma lateral, que compuseram duas amostras, cada uma com 40 sujeitos, de acordo com as raças branca e negra.
(10p. 19ref. 3f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.1 - 0603 - 3 E-13.665

CORRELAÇÕES ENTRE A BASE CRANIANA E PADRÃO FACIAL EM BRASILEIROS LEUCODERMAS EM NORMOCLUSÃO
SIMONE, K. R. I. et al.
Considerando-se que a base craniana é composta por estruturas que estabelecem sua deflexão e estabilidade precocemente, avaliou-se a possibilidade de usar o ângulo da Base Craniana como parâmetro de comparação entre ângulos que expressam as dimensões faciais.
(6p. 33ref. 3f.) Rev. Inst. Ciênc. Saúde
Cod. C07.21.1 - 0303 - 3 C-13.666

DIAGNÓSTICO DA LINHA MEDIANA DENTÁRIA
TANAKA, O.
Os objetivos do presente trabalho são avaliar e comparar métodos de diagnóstico das linhas medianas dentárias maxilar e mandibular no exame clínico e nos modelos em gesso.
(11p. 61ref. 25f.) Rev. Pós-Graduação Fac. Odont. USP
Cod. C14.10.1 - 0303 - 9 F-13.667

ALTERAÇÕES OCLUSAIS ESPONTÂNEAS DECORRENTES DA PERDA DOS PRIMEIROS MOLARES PERMANENTES INFERIORES
NORMANDO, A. D. C. et al.
Com o objetivo de avaliar a influência da perda dos primeiros molares inferiores permanentes no desenvolvimento das más oclusões na dentição permanente.
(9p. 11ref. 15f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.3 - 0603 - 1 E-13.668

AVALIAÇÃO DA PRECISÃO DA ACUIDADE VISUAL NO POSICIONAMENTO DOS ACESSÓRIOS ORTODÔNTICOS
PINZAN, A. et al.
O propósito deste trabalho é ressaltar a importância da correta montagem do aparelho ortodôntico, avaliando a confiabilidade na acuidade visual ao se posicionar um acessório e verificando se a experiência clínica que pode influenciar nesse procedimento.
(7p. 15ref. 2f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.3 - 0603 - 2 D-13.669

ESTUDO MORFOLÓGICO DA MAXILA E DA ARCADA SUPERIOR EM MODELOS ORTODÔNTICOS DE JOVENS BRASILEIROS, LEUCODERMAS, COM DENTIÇÃO PERMANENTE E OCLUSÃO NORMAL
GALLÃO, S. et al.
Para que se possam estabelecer meios de individualizar o diagnóstico ortodôntico e ortopédico facial, torna-se necessária a avaliação morfológica da maxila e da arcada superior em condições de normalidade.
(9p. 24ref. 13f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.3 - 0603 - 3 E-13.670

COMPARAÇÃO CEFALOMÉTRICA ENTRE OS APARELHOS DE ERM BANDADO E COLADO COM RECOBRIMENTO OCLUSAL
GALON, G. M. et al.
O objetivo desse estudo foi comparar os resultados de tratamento de pacientes submetidos à expansão rápida da maxila com o aparelho colado com recobrimento oclusal.
(11p. 18ref. 12f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.3 - 0603 - 5 F-13.671

MÉTODO DE REGISTRO DA POSIÇÃO NATURAL DA CABEÇA PARA OBTENÇÃO DA RADIOGRAFIA CEFALOMÉTRICA LATERAL - CONSIDERAÇÕES E IMPORTÂNCIA DO MÉTODO NO DIAGNÓSTICO ORTODÔNTICO-CIRÚRGICO
RINO NETO, J. et al.
Neste trabalho, apresentamos o método de registro da PNC para a obtenção das telerradiografias em norma lateral, utilizado na Disciplina de Cefalometria Radiográfica do Curso de Pós-Graduação em Ortodontia da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo.
(11p. 5ref. 10f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.3 - 0603 - 6 F-13.672

ESTUDO COMPARATIVO DA FORÇA ADESIVA DE QUATRO MATERIAIS PARA COLAGEM DE BRAQUETES
BENGTSON, N. G. et al.
O objetivo desta pesquisa, "in vitro", foi medir e comparar, a força adesiva de quatro materiais de colagens de braquetes.
(5p. 16ref. 7f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.3 - 0603 - 13 C-13.673

ANÁLISE COMPARATIVA, COM MICRÔMETRO DIGITAL DE ALTA PRECISÃO, DAS DIMENSÕES DE FIOS ORTODÔNTICOS RETANGULARES DE AÇO INOXIDÁVEL NACIONAIS E IMPORTADOS
GAUER, L. et al.
Realizou-se, com um micrômetro digital, a análise dimensional de 60 fios ortodônticos retangulares de aço inoxidável de seis marcas comerciais (10 fios selecionados aleatoriamente de cada fabricante), sendo realizadas medições em três pontos distintos em cada um dos fios, em ambas as faces.
(11p. 17ref. 5f.) Rev. Odont. UNICID
Cod. E05.15.1 - 0403 - 4 F-13.674

DISJUNÇÃO PALATAL E PROTRAÇÃO MAXILAR: ALTERAÇÕES CEFALOMÉTRICAS PÓS-TRATAMENTO
WEISSHEIMER, F. et al.
O objetivo deste trabalho foi avaliar as alterações cefalométricas ocorridas no tratamento das más-oclusões causadas por deficiência de desenvolvimento do terço médio da face, através de uma abordagem terapêutica que envolveu a disjunção palatal em combinação com a máscara facial.
(11p. 37ref. 6f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.44 - 0403 - 2 F-13.675

ESTUDO DAS CARACTERÍSTICAS DA DENTIÇÃO DECÍDUA EM CRIANÇAS ENTRE 3 E 6 ANOS DE IDADE
SHIMIZU, R. H. et al.
Com o intuito de conhecer melhor as características oclusais da dentição decídua e seus prováveis efeitos sobre o desenvolvimento da dentição permanente, propõe-se: avaliar a incidência dos planos terminais dos segundos molares decíduos, dos tipos de arcos segundo a classificação de Baume e dos espaços primatas em crianças leucodermas e melanodermas; avaliar o dimorfismo sexual nas características dos arcos dentários.
(8p. 13ref. 5f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.44 - 0403 - 3 D-13.676

ALTERAÇÕES DO LÁBIO SUPERIOR DECORRENTES DO TRATAMENTO ORTODÔNTICO ASSOCIADO A EXTRAÇÕES DE PRÉ-MOLARES, NOS CASOS DE CLASSE II, DIVISÃO 1 DE ANGLE
MONTERO, S. R. et al.
Neste trabalho procurou-se avaliar as possíveis alterações do lábio superior provocadas pela retração dos incisivos superiores em decorrência do tratamento ortodôntico.
(13p. 60ref. 9f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.44 - 0403 - 5 F-13.677

AVALIAÇÃO CEFALOMÉTRICA PÓS-DISTALIZAÇÃO DOS MOLARES SUPERIORES REALIZADA POR MEIO DO APARELHO PENDULUM EM PACIENTES EM TRATAMENTO ORTODÔNTICO FIXO
ANGELIERI, F. & ALMEIDA, R. R.
O aparelho Pendulum tem demonstrado uma alta efetividade na distalização dos molares superiores para a correção da relação molar de Classe II. Entretanto, muitos efeitos adversos têm sido observados: mesialização e inclinação das coroas dos pré-molares superiores para mesial; aumento da altura dos primeiros molares distalizados, tornando a distalização molar instável. A proposta deste estudo consistiu em avaliar a correção desses efeitos adversos em 23 pacientes.
(16p. 58ref. 25f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.45 - 0603 - 1 F-13.678

ESTUDO CEFALOMÉTRICO COMPARATIVO DAS ALTERAÇÕES VERTICAIS OCORRIDAS EM PACIENTES SUBMETIDOS AO USO DO AEB ORTOPÉDICO, CONSIDERANDO DOIS DIFERENTES PONTOS DE APLICAÇÃO DE FORÇA: ANTERIOR E POSTERIOR
PIRES, A. M. et al.
Este trabalho propõe-se a realizar uma avaliação cefalométrica comparativa das alterações verticais ocorridas em pacientes portadores de má-oclusão classe II, divisão 1ª por protrusão maxilar, tratados com dois distintos "designs" de AEB ortopédico: AEB ortopédico posterior, com ponto de aplicação de força em região posterior, e AEB ortopédico anterior, com força aplicada na região anterior.
(15p. 40ref. 11f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.45 - 0603 - 2 F-13.679

ESTUDO COMPARATIVO DOS PADRÕES CEFALOMÉTRICOS PRECONIZADOS POR STEINER COM INDIVÍDUOS BRASILEIROS PORTADORES DE OCLUSÃO EXCELENTE
BARCELOS, J. A. T. et al.
O presente trabalho objetivou comparar os valores preconizados por Steiner em sua análise com os valores encontrados em uma amostra composta por indivíduos brasileiros portadores de oclusão excelente e bom equilíbrio do perfil facial.
(8p. 35ref. 2f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.45 - 0603 - 4 D-13.680

DISCUSSÃO SOBRE A ÉPOCA IDEAL PARA O TRATAMENTO ORTODÔNTICO: UMA PESQUISA ENTRE ODONTOPEDIATRAS E ORTODONTISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
GLEISER, R. & SOUZA, I. P. R.
Com o objetivo de identificar as atitudes dos Odontopediatras e dos Ortodontistas sobre a época ideal para iniciar o tratamento ortodôntico em crianças, realizou-se um levantamento entre estes especialistas com registro no CRO-RJ.
(12p. 46ref. 11f.) JBP: J. Bras. Odontop. Odont. Bebê
Cod. D18.6.30 - 0403 - 3 F-13.681

COMPARAÇÃO ENTRE CEFALOMETRIA MANUAL E COMPUTADORIZADA
MAHL, C. R. W. & DRAGO, M. C.
A partir de uma revisão de literatura foram comparados os métodos computadorizados e manual para a obtenção de traçados cefalométricos.
(6p. 18ref. 8f.) Stomatos
Cod. E30.9.16 - 0603 - 2 C-13.682

VALORES NORMATIVOS E DIMORFISMO SEXUAL EM PERFIS ESTETICAMENTE AGRADÁVEIS, ATRAVÉS DAS ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS COMPUTADORIZADAS (RICKETTS E MCNAMARA)
VALENTE, R. O. H. & OLIVEIRA, M. G.
Esta pesquisa visou estabelecer valores normativos, avaliar o dimorfismo sexual entre grandezas cefalométricas e correlacionar médias para avaliação de compensações biológicas que atuem na morfologia do perfil facial de tecidos moles, através das análises cefalométricas computadorizadas de Ricketts e McNamara.
(6p. 12ref. 6f.) Pesq. Odont. Bras.
Cod. C24.17.1 - 0303 - 5 C
-13.683

AVALIAÇÃO CEFALOMÉTRICA DAS ALTERAÇÕES DO TIPO FACIAL APÓS EXTRAÇÕES DE PRÉ-MOLARES COM FINALIDADE ORTODÔNTICA
FAQUINELI, F. C. et al.
O propósito deste estudo foi o de avaliar se houve alteração no tipo facial dos pacientes submetidos à extração de primeiros ou segundos pré-molares, através da avaliação das seguintes medidas: Eixo Facial, Altura Facial Total e Altura da Dentição.
(8p. 17ref. 14f.) Rev. Goiânia Ortod.
Cod. B25.7.1 - 0803 - 1 D-14.901

MAL-OCLUSÃO E A INFLUÊNCIA DOS DISTÚRBIOS DE HÁBITOS NO SISTEMA ESTOMATOGNÁTICO
CARDOSO, A. P. C. & BOMMARITO, S.
O objetivo da presente pesquisa foi verificar a influência que os distúrbios de hábitos exercem no sistema estomatognático de pacientes com mal-oclusão.
(6p. 10ref. 6f.) Rev. Goiânia Ortod.
Cod. B25.7.1 - 0803 - 3 C-14.902

ESTUDO "IN VITRO" DA RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO DO CIMENTO DE IONÔMERO DE VIDRO MODIFICADO (FUJI ORTHO LC), NA COLAGEM DIRETA DE BRAQUETES ORTODÔNTICOS
SILVA NETO, M. G. et al.
O intuito deste trabalho foi avaliar “in vitro” a resistência ao cisalhamento do Fuji Ortho LC (GC Co.), em relação a uma resina composta controle (Concise - 3M).
(8p. 13ref. 6f.) Rev. Goiânia Ortod.
Cod. B25.7.1 - 0803 - 4 D-14.903

ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO DA PREVALÊNCIA DE MALOCLUSÃO EM CRIANÇAS DE 5 A 35 MESES DE IDADE
TOLLARA, M. C. R. N. et al.
Diante do quadro epidemiológico de saúde bucal no Brasil e pelo fato de a maloclusão ser considerada um problema de saúde pública, procurou-se estabelecer a prevalência de maloclusão em crianças na faixa etária entre 5 e 35 meses de idade.
(7p. 27ref. 15f.) Rev. Ass. Paul. Cirurg. Dent.
Cod. A01.57.4 - 0803 - 3 D-14.904

REABSORÇÃO EXTERNA POR MOVIMENTAÇÃO ORTODÔNTICA EM DENTES COM E SEM TRATAMENTO ENDODÔNTICO
TEIXEIRA, C. D. & ZÜLLINER, N. A.
A proposta deste trabalho foi avaliar a ocorrência de reabsorção radicular externa em dentes com e sem tratamento endodôntico que foram submetidos ao tratamento ortodôntico.
(4p. 15ref. 4f.) Rev. Bras. Odont.
Cod. A02.60.5 - 1003 - 5 B-14.905

AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DO PERÍODO DE AMAMENTAÇÃO E HÁBITOS BUCAIS COM A INSTALAÇÃO DE MÁS OCLUSÕES
PEREIRA, L. T. et al.
Os autores realizam uma pesquisa, com a finalidade de verificar a associação entre: o período da amamentação natural, hábitos orais e presença da má-oclusão.
(7p. 39ref. 13f.) Rev. Gaúcha Odont.
Cod. A05.51.4 - 1003 - 2 D-14.906

AVALIAÇÃO DO ÂNGULO ARTICULAR NOS DIFERENTES TIPOS FACIAIS EM CRIANÇAS BRASILEIRAS LEUCODERMAS (DOS 08 AOS 10 ANOS)
QUEIROZ, K. L. et al.
Os autores avaliam a utilização do "ângulo articular" para determinar o padrão facial e muscular dos pacientes.
(6p. 31ref. 11f.) Rev. Gaúcha Odont.
Cod. A05.51.4 - 1003 - 7 C-14.907

INFLUÊNCIA DOS ADESIVOS NA RESISTÊNCIA À TRAÇÃO DE ELASTÔMEROS EM MOLDEIRAS DE RESINA
DUARTE, E. L. et al.
Os autores realizam uma pesquisa para avaliar a resistência à tração, do material de moldagem fixado à moldeira por meio de adesivo.
(6p. 34ref. 10f.) Rev. Gaúcha Odont.
Cod. A05.51.4 - 1003 - 24 C-14.908

ESTUDO CEFALOMÉTRICO RADIOGRÁFICO DAS CARACTERÍSTICAS DENTO-ESQUELÉTICAS E FACIAIS EM INDIVÍDUOS BRASILEIROS DE SÃO LUÍS DO MARANHÃO, PORTADORES DE MÁ-OCLUSÃO DE CLASSE II, DIVISÃO 1
FREITAS, B. V. & NOUER, D. F.
Foi realizado um estudo em telerradiografias da cabeça em norma lateral em uma amostra de 96 indivíduos brasileiros da cidade de São Luís - MA, portadores de Classe II, divisão 1 de ANGLE, na faixa etária entre 9 e 11 anos com o objetivo de avaliar as características dento-esqueléticas e faciais.
(20p. 61ref. 14f.) Ortodontia
Cod. B01.36.2 - 0803 - 1 F-14.910

DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL DOS COMPONENTES HORIZONTAIS DA CLASSE II, 1ª DIVISÃO, DE ACORDO COM O MÉTODO PROPOSTO POR MOYERS ET AL
TUKASAN, P. C. et al.
O propósito deste estudo foi analisar telerradiografias em norma lateral de 120 pacientes leucodermas, com Classe II, 1ª divisão, de ambos os sexos (60 do sexo masculino e 60 do feminino), na faixa etária de 12 à 15 anos, de acordo com o método de diagnóstico diferencial, proposto por MOYERS et al.
(8p. 41ref. 4f.) Ortodontia
Cod. B01.36.2 - 0803 - 2 D-14.911

ESTUDO RADIOGRÁFICO DA RELAÇÃO DA POSIÇÃO DO CÔNDILO NA FOSSA MANDIBULAR E AS MÁS-OCLUSÕES
PRATA, T. H. C. et al.
Neste trabalho verificamos a relação entre as más-oclusões e a posição do côndilo na fossa mandibular por meio de tomografias lineares da ATM.
(16p. 57ref. 24f.) Ortodontia
Cod. B01.36.2 - 0803 - 3 F-14.912

DETERMINAÇÃO DO VALOR MÉDIO DO ÍNDICE DE ALTURA FACIAL EM MELANODERMAS COM OCLUSÃO NORMAL
NOUER, D. F. et al.
Realizou-se um estudo cefalométrico em uma amostra constituída por 37 indivíduos melanodermas, de ambos os sexos (16 do sexo masculino e 21 do feminino), com idade de 10 a 14 anos, descendentes de pais e avós melanodermas brasileiros da região de Piracicaba com oclusão normal e que nunca se submeteram a tratamento ortodôntico.
(6p. 9ref. 3f.) Ortodontia
Cod. B01.36.2 - 0803 - 5 C-14.913

ANÁLISE MECANODINÂMICA DE LIGAS DE NÍQUEL-TITÂNIO EM ORTODONTIA
ARRUDA, C. C. et al.
Este trabalho teve como objetivo a análise mecanodinâmica de quatro tipos de arcos de níquel-titânio .017" x .025" para uso ortodôntico de diferentes marcas comerciais.
(13p. 25ref. 12f.) Ortodontia
Cod. B01.36.2 - 0803 - 8 F-14.914

DETERMINAÇÃO DO PADRÃO CEFALOMÉTRICO DE BRASILEIROS DA RAÇA BRANCA COM OCLUSÃO NORMAL NA FASE DA DENTADURA DECÍDUA
NOGUEIRA, T. G. & OLIVEIRA, A. G.
Em função da escassez de estudos que determinem um padrão cefalométrico em crianças brasileiras na fase da dentadura decídua com oclusão normal, este trabalho se propõe a determinar o padrão cefalométrico de normalidade nesta fase, e averiguar a presença ou ausência do dimorfismo sexual.
(19p. 37ref. 29f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.46 - 0803 - 1 F-14.915

ESTUDO ANTROPOMÉTRICO DAS CORRELAÇÕES DE MEDIDAS LINEARES DO PALATO, DO CRÂNIO E DA FACE
VOLKMANN, O. et al.
O estudo das medidas lineares do crânio e da face com vistas à estética facial constitui-se em uma das metas primordiais do tratamento ortodôntico. Mediu-se, em crânios secos, a distância ântero-posterior máxima do crânio, largura biauricular, largura máxima da face, altura da face, comprimento máximo do palato, largura máxima do palato e largura bigoníaca, e calculou-se o índice facial.
(8p. 48ref. 6f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.46 - 0803 - 7 D-14.916

COMPARAÇÃO CEFALOMÉTRICA DO COMPLEXO CRANIOFACIAL ENTRE GÊMEOS MONOZIGÓTICOS
DELABARY, R. M. & LIMA, E. M. S.
O propósito desta pesquisa foi comparar as variações dos parâmetros cefalométricos horizontais e verticais, anteriores e posteriores, angulares e lineares, inferiores e superiores do complexo craniofacial entre gêmeos monozigóticos.
(12p. 17ref. 15f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.47 - 1003 - 2 F-14.917

QUEM SOMOS E COMO ESTAMOS EM RELAÇÃO À ORTODONTIA CONTEMPORÂNEA NO BRASIL - TERCEIRO MUNDO
SOUZA, C. E. V. et al.
Este estudo tem por objetivo investigar a Ortodontia no Brasil. Foram postados 2797 formulários a todos os especialistas registrados pelo Conselho Federal de Odontologia.
(18p. 41ref. 26f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.47 - 1003 - 4 F-14.918

ANÁLISE DA FIDELIDADE DO PLANO HORIZONTAL DE FRANKFURT EM RELAÇÃO À LINHA SELA-NÁSIO
SILVA, P. L. et al.
Neste trabalho foram avaliados cefalogramas, obtidos a partir de radiografias cefalométricas em projeção lateral, de pacientes tratados após o surto de crescimento, com o objetivo de analisar a angulação média entre o plano horizontal de Frankfurt (Po-Or) e a linha sela-násio (SN) e testar a confiabilidade do plano Po-Or.
(5p. 21ref. 3f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.47 - 1003 - 5 C-14.919

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE OS PADRÕES CEFALOMÉTRICOS DENTÁRIOS DA ANÁLISE DE STEINER E TWEED EM BRASILEIROS NORDESTINOS COM OCLUSÃO NORMAL
SOUZA, D. B. M. et al.
Esta pesquisa verificou a existência de diferença significativa entre valores médios encontrados pela análise de Steiner e Tweed e os valores obtidos em uma amostra pertencente ao banco de dados da Pós-graduação em Ortodontia da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Pernambuco. Teve como objetivos: 1) obter a média e variabilidade dos valores cefalométricos da amostra; 2) verificar se existia ou não diferença significativa entre gêneros e para cada uma das medidas cefalométricas estudadas; 3) comparar os valores cefalométricos encontrados na amostra com o padrão encontrado por Steiner e Tweed; 4) determinar se os valores encontrados por Steiner e Tweed podem servir de base em relação aos jovens brasileiros nordestinos.
(7p. 9ref. 6f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.48 - 1203 - 2 D-14.920

AVALIAÇÃO DA SUTURA PALATINA MEDIANA E DAS ALTERAÇÕES VERTICAIS DAS BASES ÓSSEAS PÓS-EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA COM APARELHO TIPO HAAS
LIMA, E. B. & BERNARDES. L. A. A.
Neste trabalho, realizou-se estudo avaliando a sutura palatina mediana e as alterações verticais das bases ósseas, propiciadas pela utilização do aparelho expansor do tipo Hass.
(11p. 10ref. 16f.) JBO: J. Bras. Ortod. Ortop. Facial
Cod. B15.8.48 - 1203 - 5 E-14.921

AVALIAÇÃO DO ÂNGULO NASOLABIAL, EM RADIOGRAFIAS CEFALOMÉTRICAS LATERAIS, DIVIDIDO EM ÂNGULO SUPERIOR E INFERIOR, POR UMA LINHA PARALELA AO PLANO DE FRANKFORT, EM INDIVÍDUOS PORTADORES DE MÁ-OCLUSÃO CLASSE II E CLASSE III DE ANGLE
SALGADO, J. A. P. et al.
Este estudo constou da análise do ângulo nasolabial e sua divisão em superior e inferior, por uma linha paralela ao Plano de Frankfort passando pelo ponto subnasal.
(10p. 20ref. 5f.) Ciênc. Odont. Bras. / Unesp SJC
Cod. C31.6.3 - 0903 - 6 E-14.922

CORRELAÇÃO DAS ALTERAÇÕES DENTO-ESQUELÉTICAS E DOS TECIDOS MOLES FACIAIS EM PACIENTES PROGNATAS SUBMETIDOS A CIRURGIA MANDIBULAR
GOLDENBERG, F. C. et al.
O objetivo deste trabalho foi o correlacionar as alterações de tecidos duros e moles, assim como determinar índices proporcionais entre estas, em pacientes submetidos a recuo mandibular isolado.
(9p. 18ref. 5f.) Odonto
Cod. D06.11.22 - 1203 - 6 E-14.923

AVALIAÇÃO DOS TIPOS DE RESPIRAÇÃO E SUA CORRELAÇÃO COM AS MÁS OCLUSÕES CLASSE I E II DE ANGLE
PINTO, C. S. C. S. & BOMMARITO, S.
O objetivo desta pesquisa foi avaliar os tipos de respiração e sua correlação com as más oclusões Classe I e II de Angle.
(12p. 27ref. 6f.) Odonto
Cod. D06.11.22 - 1203 - 11 F-14.924

ESTUDO LONGITUDINAL DA RELAÇÃO OCLUSAL DE MOLARES E DE CANINOS EM INDIVÍDUOS PORTADORES DA MÁ OCLUSÃO DE CLASSE II (ANGLE)
VANZIN, G. D. et al.
A proposta dos autores foi avaliar as modificações das relações oclusais de molares e de caninos durante o desenvolvimento de indivíduos portadores da má oclusão de Classe II de Angle.
(7p. 15ref. 9f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.4 - 0803 - 2 D-14.925

AVALIAÇÃO DO COMPORTAMENTO DE SISTEMAS ADESIVOS, HIDRÓFILO E HIDRÓFOBO, NA ADESÃO DE "BRACKETS" AO ESMALTE CONTAMINADO POR SANGUE
THYS, D. G. et al.
O objetivo do estudo foi avaliar dois tipos de sistemas adesivos, o hidrófilo e o hidrófobo, para colagem de "brackets" ortodônticos (Morelli) ao esmalte contaminado com sangue.
(6p. 55ref. 2f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.4 - 0803 - 3 C-14.926

PREVALÊNCIA DOS TIPOS DE MÁS OCLUSÕES ESQUELÉTICAS AVALIADAS EM PACIENTES PORTADORES DE DEFORMIDADES DENTOFACIAIS
BOECK, E. M. et al.
Este trabalho teve como objetivo realizar um levantamento da prevalência de más oclusões esqueléticas (Classe I, II ou III com comprometimento de bases ósseas).
(6p. 32ref. 8f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.4 - 0803 - 7 C-14.927

ESTUDO DA CORRELAÇÃO ENTRE A IDADE CRONOLÓGICA E A MATURAÇÃO DAS VÉRTEBRAS CERVICAIS EM PACIENTES EM FASE DE CRESCIMENTO PUBERAL
GENEROSO, R. et al.
Este estudo correlaciona a maturação das vértebras cervicais, através da observação dos índices descritos por Lamparski e modificados por Hassel e Farman, com a idade cronológica de 380 indivíduos leucodermas, brasileiros, de ambos os sexos, com idade variando dos 6 aos 16 anos.
(18p. 39ref. 23f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.4 - 0803 - 10 F-14.928

ACÚMULOS DE BACTÉRIAS E OUTROS PRODUTOS SOBRE O ACRÍLICO DE APARELHOS DENTOMUCOSSUPORTADOS
ORTIZ, M. F. M. et al.
Ao realizar os procedimentos de Expansão Rápida da Maxila em um graduando em Odontologia de 21 anos, utilizando um aparelho disjuntor de Haas, atentamos para algo que gostaríamos de comunicar aos colegas.
(2p. 4f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 1 A-14.929

ANÁLISE CEFALOMÉTRICA AXIAL, COM MEDIDAS ANGULARES, NA AVALIAÇÃO DE INDIVÍDUOS CLINICAMENTE SIMÉTRICOS
CERQUEIRA, A. & VEECK, E. B.
Visando complementar o estudo cefalométrico nas três dimensões, sobretudo das assimetrias da face, esta pesquisa buscou desenvolver um traçado cefalométrico em norma basal (submento-vértex) somente com medidas angulares.
(7p. 20ref. 8f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 2 D-14.930

ALTERAÇÕES ORTOPÉDICAS ÂNTERO-POSTERIORES DECORRENTES DA DISJUNÇÃO MAXILAR COM EXPANSOR COLADO
CLARO, C. A. A. et al.
O objetivo deste trabalho foi avaliar, prospectivamente, as possíveis alterações ântero-posteriores da maxila e da mandíbula, após a disjunção maxilar, com expansor colado.
(13p. 43ref. 20f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 3 F-14.931

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE A PREFERÊNCIA ESTÉTICA DO PERFIL FACIAL TEGUMENTAR AVALIADO POR ORTODONTISTAS E LEIGOS COM OS PADRÕES CEFALOMÉTRICOS EXISTENTES
DIOGO, E. L. & BERNARDES, L. A. A.
O presente trabalho comparou a preferência estética do perfil facial tegumentar com padrões cefalométricos através de análise facial de 90 pacientes tratados ortodonticamente.
(10p. 11ref. 14f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 4 E-14.932

ESTUDO ELETROMIOGRÁFICO DO MÚSCULO ORBICULAR DA BOCA, SEGMENTO SUPERIOR (REGIÃO MEDIAL) EM CRIANÇAS COM MÁ OCLUSÃO CLASSE I E MODO RESPIRATÓRIO BUCAL
POVH, G. Z. et al.
Considerando a influência da respiração bucal e da oclusão dentária na musculatura peribucal, propôs-se o estudo eletromiográfico do músculo orbicular da boca, segmento superior (região medial) em crianças com má oclusão Classe I e modo respiratório bucal.
(9p. 27ref. 2f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 5 E-14.933

ALTERAÇÕES CEFALOMÉTRICAS VERTICAIS PRODUZIDAS PELO APARELHO DE EXPANSÃO RÁPIDA MAXILAR COLADO COM COBERTURA OCLUSAL, EM PACIENTES EM CRESCIMENTO
VARDAKAS, M. H. et al.
Este estudo foi conduzido com o intento de avaliar as alterações cefalométricas verticais, suscitadas pelo aparelho colado de expansão rápida da maxila, com cobertura oclusal.
(25p. 42ref. 11f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 6 F-14.934

ROTAÇÃO DE PRIMEIROS MOLARES SUPERIORES NA OCLUSÃO NORMAL E MÁ OCLUSÃO DE CLASSE II DIVISÃO 1 DE ANGLE
NERY, P. C. B. & BARBOSA, J. A.
Esta pesquisa teve como objetivos: determinar o correto posicionamento do 1º molar superior, quanto à rotação, em amostras brasileiras de oclusão normal não tratados ortodonticamente; comparar os resultados com valores obtidos na revisão de literatura, determinar a rotação média do 1º molar superior nos casos de Classe II divisão 1 de Angle e averiguar a incidência da rotação mésio-palatina neste tipo de má oclusão.
(12p. 27ref. 11f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 8 F-14.935

AVALIAÇÃO DO SISTEMA DE FORÇAS GERADO PELA ALÇA T DE RETRAÇÃO PRÉ-ATIVADA SEGUNDO O PADRÃO UNESP-ARARAQUARA
SOUZA, R. S. et al.
Nesse trabalho, procurou-se descrever o sistema de forças liberadas pela alça T com pré-ativações utilizadas pela Disciplina de Ortodontia da Faculdade de Odontologia de Araraquara - UNESP.
(10p. 23ref. 11f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 9 E-14.936

COMPARAÇÃO CEFALOMÉTRICA DA BASE ANTERIOR DO CRÂNIO, MAXILA E MANDÍBULA ENTRE GÊMEOS MONOZIGÓTICOS
DELABARY, R. M. & LIMA, E. M. S.
O propósito desta pesquisa foi comparar o comprimento da base anterior do crânio, comprimento e posição maxilar, comprimento e posição mandibular entre gêmeos monozigóticos.
(13p. 18ref. 19f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 10 F-14.937

ALTERAÇÕES OCLUSAIS DOS ARCOS DENTÁRIOS DECÍDUOS DE PORTADORES DE FISSURA UNILATERAL COMPLETA DE LÁBIO E PALATO
SIMIONATO, P. F. C. et al.
O objetivo deste trabalho foi avaliar as alterações oclusais dos arcos dentários decíduos em portadores de fissura unilateral completa de lábio e palato.
(5p. 15ref. 4f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.5 - 1003 - 12 C-14.938

O RELACIONAMENTO DOS ÂNGULOS NASOLABIAL E DOS INCISIVOS SUPERIORES COM O PLANO PALATINO DURANTE A FASE DO "PATINHO FEIO"
SIQUEIRA, V. C. V. et al.
Com o propósito de estabelecer os valores cefalométricos médios para os ângulos nasolabial (ANL) e dos incisivos superiores com o plano palatino (1.PP); determinar a existência ou não de dimorfismo sexual para essas grandezas; verificar se os valores médios destas variáveis exibiram alterações entre as faixas etárias; avaliar a possível correlação entre esses ângulos e observar se a fase do "patinho feio" exerce repercussões sobre essas medidas, os autores realizaram uma pesquisa cefalométrica transversal em 99 jovens brasileiros leucodermas, de ambos os sexos, com oclusão normal, na faixa etária dos 07 aos 11 anos.
(12p. 24ref. 18f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 1 F-14.939

PERFIL SÉRICO DE IGG E IGM EM PACIENTES SUBMETIDOS A TRATAMENTO ORTODÔNTICO: CONTRIBUIÇÃO PARA A ETIOPATOGENIA DA REABSORÇÃO DENTÁRIA
SANCHEZ, L. I. T. et al.
Neste trabalho foram analisadas amostras de soro de 10 pacientes, coletadas imediatamente antes da colocação do aparelho ortodôntico e em mais quatro coletas durante seis meses, traçando-se os perfis séricos de IgG e IgM específicas ao extrato dentinário humano ou suas frações e correlacionando-os com os achados radiográficos.
(9p. 14ref. 4f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 3 E-14.940

SINTOMATOLOGIA DE DISFUNÇÃO TEMPOROMANDIBULAR EM PACIENTES SUBMETIDOS A TRATAMENTO ORTODÔNTICO E ORTO-CIRÚRGICO
RUELLAS, A. C. O. et al.
Este trabalho comparou os sinais e sintomas de DTM em cinco grupos de pacientes e os resultados sugerem que ambos tratamentos minimizam ou aliviam a sintomatologia da ATM.
(5p. 23ref. 1f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 4 C-14.941

A OCLUSÃO E A SUA RELAÇÃO COM AS DISFUNÇÕES TEMPOROMANDIBULARES (DTM) EM JOVENS COM E SEM TRATAMENTO ORTODÔNTICO: UM ESTUDO COMPARATIVO
COROTTI, K. M. V. et al.
O objetivo deste trabalho foi avaliar a oclusão como fator etiológico na prevalência de Disfunções Temporomandibulares (DTM) em indivíduos tratados e não tratados ortodonticamente.
(9p. 74ref. 4f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 5 E-14.942

RESISTÊNCIA DE UNIÃO DE BRAQUETES AO ESMALTE BOVINO: AVALIAÇÃO DE TRÊS CIMENTOS DE IONÔMERO DE VIDRO
SÓRIA, M. L. et al.
Neste estudo "in vitro" avaliou-se a resistência ao cisalhamento da união de braquetes ortodônticos ao esmalte, obtida através de três cimentos de ionômero de vidro fotopolimerizáveis.
(9p. 29ref. 20f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 6 E-14.943

EFEITOS DA EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA E TRAÇÃO CERVICAL EM MÁ OCLUSÃO CLASSE II, DIVISÃO 1
LIMA FILHO, R. M. A. et al.
Este relato de caso mostra a utilização da expansão rápida da maxila e aparelho extra-oral de ancoragem cervical no tratamento de má oclusão Classe II, Divisão 1, com deficiência maxilar transversal, acentuada falta de espaço no arco superior, mordida profunda esquelética e perfil reto.
(8p. 13ref. 38f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 7 D-14.944

AVALIAÇÃO "IN VITRO" DO PADRÃO DE DESCOLAGEM NA INTERFACE DE FIXAÇÃO DE MATERIAIS ADESIVOS ORTODÔNTICOS AO ESMALTE DE DENTES INCLUSOS: RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO APÓS 48 HORAS E 10 DIAS
KAWAKAMI, R. Y. et al.
O objetivo deste estudo foi avaliar a resistência ao cisalhamento e o padrão de descolagem na interface de colagem de materiais adesivos ortodônticos ao esmalte de dentes inclusos.
(19p. 56ref. 18f.) Rev. Dent. Press Ortod. Ortop. Facial
Cod. D11.8.6 - 1203 - 10 F-14.945

COMPARAÇÃO DO COEFICIENTE DE ATRITO ESTÁTICO ENTRE BRÁQUETES (METÁLICOS E ESTÉTICOS) E FIOS ORTODÔNTICOS (AÇO INOXIDÁVEL E NÍQUEL-TITÂNIO)
VANZIN, G. D. et al.
Este estudo tem por objetivo avaliar o coeficiente de atrito estático dos bráquetes metálico (aço inoxidável), estético com slot metálico (policarbonato reforçado com cerâmica e slot de aço inoxidável) e estético sem slot metálico (cerâmica alumina policristalina), quando utilizados com fios ortodônticos retangulares de aço inoxidável e níquel-titânio.
(1p. 21ref. 16f.) Rev. Odonto Ciênc.
Cod. E03.18.41 - 0903 - 1 A-14.946

LEVANTAMENTO EPIDEMIOLÓGICO DA PREVALÊNCIA DE MAL-OCLUSÕES E DAS CONDIÇÕES BUCAIS EM ESCOLARES DA CIDADE DE CURITIBA
GASPARIM, G. R. et al.
Neste estudo foram avaliadas as condições bucais de perdas prematuras e cáries extensas e a prevalência de mal-oclusões em relação ao nível socioeconômico de crianças na faixa etária de 6 a 8 anos de rede estadual de ensino da cidade de Curitiba.
(4p. 21ref. ) Rev. Odonto Ciênc.
Cod. E03.18.42 - 1203 - 17 B-14.947

AVALIAÇÃO CEFALOMÉTRICA DO RELACIONAMENTO INCISOLABIAL VERTICAL, DOS 13 AOS 18 ANOS DE IDADE
SCAVONE JUNIOR, H. et al.
Este estudo longitudinal propõe-se a avaliar cefalometricamente a distância vertical entre a borda incisal dos incisivos superiores e a margem inferior do lábio superior (medida Is-St), em jovens brasileiros da raça branca com oclusão normal, no período dos 13 aos 18 anos de idade.
(9p. 14ref. 6f.) Rev. Odont. UNICID
Cod. E05.15.3 - 1203 - 3 E-14.948

VARIAÇÃO DO ÂNGULO NASOLABIAL DECORRENTE DA RETRAÇÃO ANTERIOR NOS CASOS TRATADOS COM EXTRAÇÕES DOS QUATRO PRÉ-MOLARES PELA TÉCNICA DE EDGEWISE
YAMAGUTO, O. T. et al.
O objetivo deste trabalho foi verificar a variação do ângulo nasolabial em decorrência da retração dos incisivos superiores nos casos tratados com extrações dos quatro pré-molares.
(6p. 26ref. 11f.) Rev. Fac. Odont. Univ. Passo Fundo
Cod. E08.8.2 - 1203 - 9 C-14.949

EVALUATON “IN VITRO” OF THE SHEAR BOND STRENGHT OF ALUMINUM OXIDE RECYCLED BRACKETS
TAVARES, S. W. et al.
The aim of this study was to evaluate the shear bond strength of recycled brackets with 90 and 50 um aluminum oxide blasting.
(4p. 17ref. 4f.) Braz. J. Oral Sciences
Cod. E35.2.7 - 1203 - 9 B-14.950

ALTERAÇÃO DA MICROFLORA BUCAL EM PACIENTES PORTADORES DE APARELHO ORTODÔNTICO FIXO
CAMPBEL, C. H. C. T.
O objetivo deste estudo foi avaliar a dinâmica de colonização de microorganismos bucais em doze pacientes antes e após a colocação do aparelho ortodôntico fixo.
(12p. 39ref. 18f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.2 - 1203 - 1 F-14.951

AVALIAÇÃO DO ÂNGULO H.NB DE HOLDAWAY EM INDIVÍDUOS PORTADORES DE PERFIL FACIAL TEGUMENTAR AGRADÁVEL
BOEIRA JÚNIOR, B. R.
Com base na afirmação de que a principal motivação que leva o paciente ao Ortodontista é a preocupação com a estética, realizou-se o presente trabalho, que tem por objetivo avaliar o ângulo H.NB em indivíduos portadores de perfil facial tegumentar agradável, bem como verificar a presença ou ausência de dimorfismo sexual para a variável em questão.
(11p. 27ref. 6f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.2 - 1203 - 2 F-14.952

AVALIAÇÃO DOS EFEITOS IMEDIATOS DA EXPANSÃO RÁPIDA DA MAXILA EM TELERRADIOGRAFIAS PÓSTERO-ANTERIORES UTILIZANDO O PROGRAMA DENTOFACIAL PLANNER PLUS
VIANNA, A. P. et al.
O objetivo deste estudo foi avaliar, através das telerradiografias póstero-anteriores, os efeitos imediatos relacionados à terapia da expansão rápida da maxila em 6 pacientes, na faixa etária dos 7 anos e 7 meses aos 11 anos de idade, submetidos a um mesmo protocolo de ativação do parafuso expansor de 1/4 de volta a cada 12 horas.
(7p. 15ref. 5f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.2 - 1203 - 4 D-14.953

INFLUÊNCIA DO CLAREAMENTO DENTAL COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO NA COLAGEM DE BRÁQUETES ORTODÔNTICOS: ESTUDO "IN VITRO"
PRIETSCH, J. R. et al.
O objetivo deste estudo foi avaliar "in vitro" o efeito do clareamento dental prévio com peróxido de hidrogênio a 35% na resistência de união de braquetes ortodônticos metálicos ao esmalte dentário.
(9p. 26ref. 2f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.2 - 1203 - 5 E-14.954

AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA DA COLAGEM DE BRACKETS EM PRIMEIROS E SEGUNDOS PRÉ-MOLARES HUMANOS
GOURGUES, L. J. & MENEZES, L. M.
Este estudo "in vitro" foi realizado com o objetivo de comparar a resistência da colagem ao cisalhamento entre primeiros e segundos pré-molares humanos.
(6p. 11ref. 3f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.2 - 1203 - 7 C-14.955

FREQÜÊNCIA E GRAU DE SEVERIDADE DA ABSORÇÃO APICAL EXTERNA EM INCISIVOS SUPERIORES DE CASOS TRATADOS COM E SEM EXTRAÇÕES DE PRIMEIROS PRÉ-MOLARES
MARTINS, M. M. et al.
O objetivo deste estudo foi avaliar a absorção apical externa em pacientes tratados com e sem extração dos primeiros pré-molares.
(8p. 30ref. 3f.) Ortod. Gaúcha
Cod. B22.7.2 - 1203 - 8 D-14.956

ESTUDO LONGITUDINAL CEFALOMÉTRICO DO CRESCIMENTO TRANSVERSO CRANIOFACIAL E SUAS CORRELAÇÕES COM A ALTURA CORPORAL EM CRIANÇAS BRASILEIRAS NA FASE DE DENTIÇÃO MISTA
REBECCHI, M. C. V. C. et al.
Este estudo longitudinal cefalométrico teve como objetivo avaliar o crescimento transverso craniofacial através de medidas realizadas em telerradiografias póstero-anteriores com o crescimento em altura corporal.
(7p. 23ref. 10f.) Rev. Inst. Ciênc. Saúde
Cod. C07.21.3 - 0903 - 6 D-14.957

AVALIAÇÃO "IN VITRO" DA RESISTÊNCIA À TRAÇÃO DE DOIS SISTEMAS ADESIVOS USADOS NA COLAGEM DE BRAQUETES METÁLICOS COM RESINA PRÉ-INCORPORADA À BASE
RODRIGUES, G. C. D. et al.
O objetivo neste estudo "in vitro" foi comparar a resistência à tração de dois sistemas adesivos ortodônticos: "Transbond TM Plus Self-Etching Primer" (SEP) e o "Transbond TM XT adhesive primer" usados na colagem de braquetes metálicos Victory (3M-Unitek) com resina pré-incorporada à base (APC).
(7p. 17ref. 8f.) Ortodontia
Cod. B01.36.3 - 1203 - 1 D-14.958

ESTUDO CEFALOMÉTRICO RADIOGRÁFICO DA CORRELAÇÃO ENTRE O TIPO FACIAL E AS VARIAÇÕES DA INCLINAÇÃO DO PLANO OCLUSAL EM ADOLESCENTES COM MALOCLUSÃO DE CLASSE II, DIVISÃO 1ª E RETROGNATISMO MANDIBULAR
CARVALHO, P. A. L. & RODRIGUES, G. C. D.
O objetivo nesse estudo, foi avaliar as variações do plano oclusal, em adolescentes leucodermas brasileiros com maloclusão de classe II, divisão 1ª e retrognatismo mandibular e verificar a possível correlação com o tipo facial.
(11p. 38ref. 10f.) Ortodontia
Cod. B01.36.3 - 1203 - 2 F-14.959

INFLUÊNCIA DA VARIAÇÃO NA DISTÂNCIA CÂMERA/OBJETIVO SOBRE AS MEDIDAS FACIAIS OBTIDAS DE FOTOGRAFIAS EM NORMA FRONTAL
RINO NETO, J. et al.
O objetivo neste trabalho foi avaliar por meio de fotografias da face em norma frontal reveladas em tamanho 10x15 cm o comportamento de medidas angulares, lineares e proporcionais diante de diferentes distâncias entre câmera / objeto determinadas pelas regulagens do anel de foco da objetiva em cinco posições: 1/8, 1/9, 1/10, 1/12 e 1/15.
(8p. 26ref. 10f.) Ortodontia
Cod. B01.36.3 - 1203 - 6 D-14.960

ANÁLISE CEFALOMÉTRICA COMPUTADORIZADA. AVALIAÇÃO DE 3 PROGRAMAS BRASILEIROS
MARTELLI FILHO, J. A. et al.
O objetivo deste trabalho é analisar 3 programas brasileiros de cefalometria computadorizada, com o propósito de verificar a confiabilidade dos sistemas disponíveis no Brasil.
(7p. 21ref. 4f.) Ortodontia
Cod. B01.36.3 - 1203 - 7 D-14.961

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE A ANÁLISE DE MOYERS E A TELERRADIOGRAFIA OBLÍQUA EM 45° NA PREVISÃO DO TAMANHO DE CANINOS E PRÉ-MOLARES INFERIORES
MATSUMOTO, M. A. N.
O presente estudo tem o propósito de comparar dois métodos de predição do tamanho mésio-distal de caninos e pré-molares inferiores de 32 crianças (19 do sexo feminino e 13 do sexo masculino), na fase da dentição mista, utilizando-se do (1) método de Moyers e do (2) método de telerradiografia oblíqua em 45°, comparando-os com o tamanho real desses dentes.
(4p. 25ref. 8f.) Rev. ABRO
Cod. B27.4.2 - 1203 - 4 B-14.962

AVALIAÇÃO DAS MODIFICAÇÕES DE TECIDOS MOLES EM CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS PLANEJADAS NO COMPUTADOR
GONÇALVES, J. R. et al.
O propósito deste estudo foi avaliar as alterações de tecidos moles obtidas pelo programa cefalométrico DFP Plus, utilizado no planejamento de cirurgias ortognáticas.
(8p. 38ref. 5f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.3 - 0903 - 3 D-14.963

AVALIAÇÃO DA FORÇA DOS ALASTIQUES EM CADEIA NUM PERÍODO DE 0 A 28 DIAS
MUNDSTOCK, C. A. et al.
O objetivo deste estudo foi determinar a força inicial e a duração/valor dessa força em um período de quatro semanas, comparando marcas de alastiques em cadeia disponíveis no mercado brasileiro (Ormco Sybron Dental Specialities, TP Orthodontics, Rocky Mountain Corporation, Unitek 3M, Abzil Lancer e Dental Morelli).
(5p. 18ref. 7f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.3 - 0903 - 4 C-14.964

AVALIAÇÃO DO TEMPO IDEAL DE SECAGEM DO GESSO TIPO III ANTES E APÓS IMERSÃO EM SOLUÇÃO CONCENTRADA DE SABÃO
MORAIS, L. S. et al.
O objetivo deste trabalho foi avaliar o tempo ideal de secagem do gesso tipo III, antes e após imersão em solução concentrada de sabão.
(5p. 12ref. 6f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.3 - 0903 - 11 C-14.965

MOLDAGEM EM ORTODONTIA. QUAIS OS ERROS MAIS FREQÜENTES?
MOTISUKI, C. et al.
O objetivo deste estudo foi analisar os erros mais comuns durante a realização de moldagens em Ortodontia, efetuadas por alunos de graduação em Odontologia.
(6p. 13ref. 6f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.4 - 1203 - 2 C-14.966

INFLUÊNCIA DA CONTAMINAÇÃO DE SANGUE MISTURADO À SALIVA SOBRE A RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO DA COLAGEM E NO ÍNDICE DE REMANESCENTE DE ADESIVO
PITHON, M. M. et al.
O objetivo desse estudo foi avaliar a resistência ao cisalhamento e o índice de remanescente de adesivo (IRA) após a contaminação do esmalte por sangue misturado à saliva.
(5p. 39ref. 5f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.4 - 1203 - 3 C-14.967

AVALIAÇÃO DOS AVANÇOS MANDIBULARES NO PERÍODO PRÉ-DENTÁRIO
JASSÉ FILHO, J. C. et al.
O objetivo deste estudo longitudinal foi avaliar o avanço mandibular no período pré-dentário, através da investigação da redução do trepasse horizontal entre os roletes gengivais, ocorrido nos seis primeiros meses de vida; determinado pelo valor médio do trespasse de 80 bebês recém-nascidos amamentados exclusivamente no peito, durante todo o período.
(5p. 19ref. 9f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.4 - 1203 - 9 C-14.968

PROMOÇÃO DE SAÚDE BUCAL EM ORTODONTIA: QUAIS AS MEDIDAS ADOTADAS PELOS PROFISSIONAIS?
LIMA, L. M. et al.
O objetivo deste estudo foi identificar as medidas adotadas pelos profissionais para promover saúde bucal nos pacientes ortodônticos.
(5p. 16ref. 8f.) APEO: Rev. Ass. Paul. Espec. Ortod. Ortop. Facial
Cod. A10.1.4 - 1203 - 10 C-14.969

ESTUDO COMPARATIVO DO ÂNGULO ANB, ENTRE OS PACIENTES DE ORTODONTIA DO HOSPITAL DE GUARNIÇÃO DE PORTO VELHO COM A LITERATURA ESPECIALIZADA
SOUZA NETO, T. A. & FARINA, J. A.
O estudo visa uma verificação da tendência de crescimento facial da população da região norte, da casuística do Hospital de Guarnição de Porto Velho, de onde se coletou apenas o ângulo ANB.
(4p. 4ref. 3f.) Rev. Fimca
Cod. E41.2.2 - 1203 - 2 B-14.970

AVALIAÇÃO DO ESPAÇO AÉREO NASOFARÍNGEO EM PACIENTES PORTADORES DE MORDIDA CRUZADA POSTERIOR NA DENTIÇÃO MISTA
VARGAS, I. A. et al.
O presente estudo avaliou o espaço aéreo nasofaríngeo superior e inferior de 50 crianças entre 6 anos e 5 meses à 11 anos, com mordida cruzada posterior, através de telerradiografias de perfil.
(8p. 17ref. 7f.) Stomatos
Cod. E30.9.17 - 1203 - 2 D
-14.971

TOPO